Pe. Ademilson Tadeu Quirino é o primeiro padre da diocese a concluir Doutorado em Teologia

28/02/2022 . Notícias da Diocese
A Diocese de Caratinga celebra com alegria essa conquista do Rev.mo Pe. Ademilson Tadeu Quirino, que na manhã do dia 23 de fevereiro defendeu sua tese de doutorado.
A Associação dos Liturgistas do Brasil – ASLI, divulgou a seguinte nota:
É com grande júbilo que noticiamos a todos, que no dia 23 de fevereiro do corrente ano, através da modalidade remota, junto ao departamento de Pós-Graduação em Teologia, da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, aconteceu a defesa da tese de doutorado do membro da ASLI Pe. Ademilson Tadeu Quirino, do clero da Diocese de Caratinga-MG.
A tese teve como título: Teologia da escuta: Palavra e rito na experiência litúrgico-cristã. O orientador desta tese foi o Prof. Dr. Luiz Fernando Ribeiro. Ao término deste texto segue um resumo da tese, apresentado pelo próprio autor.
Em nome de todos os membros da ASLI desejamos ao Pe. Ademilson um fecundo magistério e que a sua pesquisa na área da Ciência Litúrgica, contribua para despertar em nossas comunidades eclesiais o exercício fecundo de escuta da Palavra de Deus.
Em Cristo nossa Páscoa,
Dom Jerônimo Pereira Silva, OSB
Presidente
Fr. Luis Felipe C. Marques, OFMConv
Vice-Presidente
Pe. Rodrigo José Arnoso Santos, CSSR
Secretário-Executivo
Pe. Antônio Élcio de Souza
Tesoureiro
São Paulo, 27 de fevereiro 2022.
8º Domingo do Tempo Comum
Resumo da tese
Palavra e rito na experiência litúrgico-cristã. Rio de janeiro, 2022. 387p. Tese de Doutorado – Departamento de Teologia, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.
A presente pesquisa sobre a escuta na experiência litúrgico-cristã é um diálogo entre a ciência teológica e outras áreas das ciências humanas, perfazendo um caminho interdisciplinar. O texto foi construído a partir do binômio “Palavra-rito” e intuído com base na celebração do culto cristão. A questão levantada como hipótese para este trabalho é: se a Escritura tem seu primado no culto cristão, por que se constatam tantos obstáculos em escutá-la e compreendê-la nas celebrações litúrgicas? E quais são as consequências disso para o processo de iniciação e amadurecimento dos cristãos, no que se refere à experiência de fé e, por conseguinte, ao seu testemunho? Indagações e inquietações como estas marcaram profundamente o percurso desta pesquisa de reflexão teológico-litúrgica e pastoral. O cenário apresentado a partir das questões elencadas revela como a Igreja do século anterior se viu provocada pelos movimentos de renovação bíblica e litúrgica, os quais desaguaram no Concílio Ecumênico Vaticano II e, particularmente, nas constituições Sacrosanctum Concilium e Dei Verbum, marcadamente por propostas teológico-pastorais. Nelas percebemos como os Padres conciliares viram a urgência de considerar a excelência da escuta e da resposta da Escritura na liturgia e na vida cristã. Portanto, a Igreja, provocada a educar-se à escuta, é incentivada a um permanente e constante processo de conversão pastoral, pois esse novo cenário requer dela novos métodos. Um deles é o processo de iniciação à Escritura e à liturgia, em vista do itinerário à vida cristã. Esse caminho tão urgente e necessário para a Igreja hoje potencializa a via possível para a pessoa chegar ao encontro pessoal e comunitário com Jesus Cristo. Esse encontro é vivenciado mediante uma consistente experiência de fé conduzida pelo itinerário catequético, o qual orienta e conduz o iniciante a testemunhar Cristo no seu cotidiano. Assim, a pesquisa parte da fundamentação antropológica e bíblica da escuta, com o objetivo de preparar o alicerce para a compreensão da escuta litúrgica da Escritura, à luz da Sacrosanctum Concilium, para depois trabalhar as perspectivas pastorais em vista de uma renovada expressão da escuta litúrgica da Escritura.
A Diocese de Caratinga, através do bispo diocesano, dom Emanuel Messias de Oliveira, todo o clero, seminaristas e o Povo de Deus presente nesta região episcopal, cumprimenta o Rev.mo Pe. Ademilson Tadeu Quirino pela conquista.
Fonte- https://www.asli.com.br/blog/membro-da-asli-defende-tese-de-doutorado-959

Cúria Diocesana

Praça Cesário Alvim, 156 - Centro Caratinga (MG) - Cep: 35.300-036

Contatos

(33) 3321-4600 Telefone e WhatsApp chancelaria@diocesecaratinga.org.br

Funcionamento

Segunda-feira a Sexta-feira 08h às 11h e 13h às 17h