Dom Paulo Mendes Peixoto

7º Bispo e 4º Arcebispo de Uberaba
Data de Nascimento: 25/02/1951
Data Ordenação Presbiteral: 08/12/1979
Data Ordenação Episcopal: 25/02/2006
Data de Apresentação: 01/05/2012

Dom Paulo Mendes Peixoto, natural de Imbé de Minas-MG, nasceu aos 25 de fevereiro de 1951, filho de Aldir Peixoto e Maria Mendes Peixoto.

Estudou o Ginasial no Colégio Estadual de Caratinga, entre os anos de 1968 a 1971; cursou o ensino médio nos anos de 1972 e 1973 no Seminário Diocesano de Caratinga; estudou Filosofia no Seminário Diocesano de Caratinga, nos anos de 1974 a 1975 e Teologia no Seminário Diocesano de Caratinga, de 1976 a 1979. Entre 1984 e 1985 especializou-se em Direito Canônico no Instituto Superior de Direito Canônico do Rio de Janeiro, além de inúmeros cursos de formação permanente e de atualização na área do Direito Canônico e, ainda, cursou História na FAFIC de Caratinga entre 1974 e 1977 e participou do Encontro de Formadores na Itália no ano de 1996. Em 8 de dezembro de 1979 foi ordenado sacerdote em Caratinga.

Nos seus 26 anos de sacerdote prestou relevantes serviços na Diocese de Caratinga como Ecônomo do Seminário Diocesano; Diretor Espiritual do Seminário Diocesano; Diretor Espiritual do Seminário Propedêutico de Caratinga; Professor de Direito Pastoral no Seminário Diocesano; Professor de Introdução ao Mistério da Salvação no Propedêutico; Capelão do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora de Caratinga; Membro do Conselho Presbiteral e do Colégio dos Consultores; Representante dos Presbíteros da Diocese durante oito anos; Juiz Auditor na Câmara Auxiliar da Diocese de Caratinga; Programas Religiosos diários em rádios; Colunista mensal da Revista Diretrizes da Diocese de Caratinga; Membro da Equipe de Redação do Roteiro dos Grupos de Reflexão; além dos Trabalhos como Pároco ou Administrador Paroquial em onze paróquias. Foi Secretário da Sociedade Brasileira de Canonistas em três gestões.

Em 25 de fevereiro de 2006 foi ordenado bispo, pelas mãos de Dom Hélio Gonçalves Heleno, bispo de Caratinga, para a Diocese de São José do Rio Preto. Tornou-se membro do Instituto Brasileiro de Comunicação Social (INBRAC) e foi bispo referencial para a Animação Bíblico-Catequética do Regional Sul 1 da CNBB. Atualmente é o bispo referencial da CEBs e Pastoral da Criança do Regional Leste 2 da CNBB.

No dia 7 de março de 2012 foi nomeado pelo Papa Bento XVI Arcebispo da Arquidiocese de Uberaba. Tomou posse no dia 1 de maio de 2012.

BRASÃO DE DOM PAULO

Em chefe, esmalte azul, uma estilização de um pão, do qual saem quatro flores-de-lis, simbolizando a ação da Pastoral da Criança, uma das “paixões” do novo bispo, que sempre apoiou e incentivou este trabalho pastoral, que tem muito a ver com o seu lema episcopal, “Para o Serviço à Vida”. Um sol, do lado esquerdo ao alto, lembra Jesus Cristo, Sol de justiça e Luz do mundo. Quer significar, também, a Palavra de Deus, que é “lâmpada para os pés e luz para o caminho” (Sl 118, 105). Dentro do sol um Anjo com uma trombeta, significa o anúncio da Palavra e a Mensagem do Evangelho, conforme o Apocalipse (1, 20), onde os Anjos representam os chefes da Igreja (Bispos), que têm, primeiramente, a missão de anunciar a presença de Cristo que gera a vida. O Anjo quer significar também o anúncio da Palavra de Deus “sobre os telhados” (Mt 10, 27), lembrando a dedicação de Mons. Paulo à Pastoral da Comunicação, falada e escrita. A cor azul simboliza a Ressurreição.

Em ponta, esmalte vermelho, simbolizando o martírio, a entrega, a doação de si. A ovelha simboliza o rebanho do novo bispo, tendo, como referência, João 10,10: “Eu vim para que as ovelhas tenham vida e para que a tenham em abundância”.

No centro do escudo, dois listéis de metal prata, simbolizando um rio (Rio Jordão), lembrando que, no Batismo, se inicia a nossa missão, seja de leigo, de religioso, de bispo… A concha do batismo quer significar, também, este início de vida com Deus. O cajado (báculo) também em metal prata significa a grandeza da missão episcopal, que é levar o rebanho a ver a glória de Deus (o ouro do sol).

Chapéu prelatício, cor verde com três fileiras de borlas, como convém aos bispos, cruz processional, em metal ouro.

Cúria Diocesana

Praça Cesário Alvim, 156 - Centro Caratinga (MG) - Cep: 35.300-036

Contatos

(33) 3321-4600 Telefone e WhatsApp chancelaria@diocesedecaratinga.com.br

Funcionamento

Segunda-feira a Sexta-feira 08h às 11h e 13h às 17h